UNIFESP recruta voluntários


A Universidade Federal de São Paulo (Unifesp), reconhecida pelo desenvolvimento de pesquisas e estudos científicos, oferece vagas para voluntários nas seguintes áreas:

01 - TRATAMENTO DE DOR LOMBAR COM ESTIMULAÇÃO ELÉTRICA NERVOSA

A disciplina de Reumatologia da Escola Paulista de Medicina da Unifesp está recrutando voluntários para uma pesquisa que visa avaliar os efeitos da estimulação elétrica nervosa nos casos de lombalgia (dores na coluna lombar) aguda.
Podem participar do estudo pessoas de ambos os sexos, com idade entre 18 e 65 anos com queixas de lombalgia aguda. Não serão recrutados os pacientes cujas dores sejam de origem inflamatória, tumoral ou infecciosa, usuários de marcapasso cardíaco e aparelhos de eletrochoque, recém-operados da coluna, portadores de irritação de raízes nervosas, gestante e pacientes em litigio.
Os voluntários selecionados serão avaliados por um médico reumatologista e um fisioterapeuta, por vaneska.fisio@gmail.commeio de testes físicos e questionários.
Os interessados podem entrar em contato com a pesquisadora Vaneska Cruz nos telefones (11) 8256-4748 e (11) 7687-2659 ou pelo endereço eletrônico vaneska.fisio@gmail.com. Estão disponíveis 50 vagas.

02 - EXERCÍCIOS FÍSICOS PARA IDOSOS EM GRANDES CENTROS URBANOS

O Departamento de Psicobiologia da Unifesp e o Centro de Estudos em Psicobiologia e Exercícios estão recrutando voluntários para uma pesquisa que visa analisar o impacto dos exercícios físicos realizados em grandes centros urbanos na população idosa.
Os testes vão durar 10 semanas, entre os meses de agosto e outubro. Nesse período, os idosos irão praticar corrida e caminhada três vezes por semana no período da manhã e serão submetidos a dois períodos de avaliações, sendo um antes das 10 semanas de atividades e o outro depois. Nas avaliações serão realizados exames de sangue, cálculos de composição corporal e do Índice de Massa Corpórea (IMC), além de teste cardiopulmonar em esteira e testes cognitivos realizados por meio de questionários.
Serão aceitos no estudo, voluntários de ambos os sexos, maiores de 65 anos, que morem na cidade de São Paulo há pelo menos 10 anos. Não podem participar da pesquisa idosos submetidos a cirurgias recentes que utilizam bengala, muleta ou andador, portadores de hepatites tipos B e C, doença de Chagas, Sífilis, Anemia, Triglicérides maior ou igual 400 mg/dL, , doenças neurológicas ou psíquicas, usuários de álcool, cigarro, drogas, suplementos vitamínicos, diuréticos e de remédios que alterem as funções cognitivas ou que impeçam a prática de atividade física.
Os interessados devem entrar em contato com a pesquisadora Luciana Caxá as quartas, quintas e sextas-feiras das 14h às 20h pelo telefone (11) 5572 0177 ou pelo e-mail: lcaxa@yahoo.com.br. Estão disponíveis 80 vagas.

03 - INCONTINÊNCIA URINÁRIA EM ADOLESCENTES OBESAS

O Centro de Atendimento e Apoio ao Adolescente (CAAA/Unifesp) recruta adolescentes obesas, com idade entre 10 e 19 anos, que apresentem perda involuntária de urina durante esforço físico.
As candidatas passarão por tratamento com exercícios de fisioterapia para o fortalecimento do assoalho pélvico e atendimento clínico, com o objetivo de melhorar a qualidade de vida.
Não serão aceitas pacientes com problemas neurológicos ou do trato urinário diagnosticados. Inscrições: (11) 5576-4360, das 8h às 16h.

04 - EXERCÍCIO FÍSICO E ENXAQUECAS

O Programa da Pós-Graduação em Neurologia e Neurociências da Unifesp recruta voluntários, de ambos os sexos, com idade entre 18 e 65 anos, para participarem de pesquisa sobre efeito do exercício físico na enxaqueca.
Os candidatos não devem tomar medicação para o coração (Propranolol, Atenolol, Carvedilol, Verapamil), nem praticar atividade física regularmente. Eles participarão de um programa de 12 semanas de condicionamento físico como parte do seu tratamento ou de uma única sessão de condicionamento físico para obter orientações da maneira adequada de se exercitar. Serão realizados, gratuitamente, exames cardiológicos (aptidão física) e exame de sangue.
Para informações e agendamento de consulta, entre em contato pelos telefones: (11) 5576-4778 / 9465-1187; ou pelos e-mails: dr.reinaldo@ig.com.br / araoliva@gmail.com. Os interessados também podem ir pessoalmente ao Ambulatório de Dor de Cabeça da Unifesp, localizado à Rua Napoleão de Barros, 771, Térreo, Balcão 5 da Neurologia (Seg./Qua./Sex. às 8:00h).

05 - AVALIAÇÃO DAS CONDIÇÕES FÍSICAS DE MARATONISTAS

O Centro de Estudos multidisciplinares em Saúde, Exercício e Imunologia da Universidade Federal de São Paulo (CEMSEI/ Unifesp) está recrutando voluntários para participar de uma pesquisa que irá investigar os efeitos da maratona para o corpo.
Podem participar da pesquisa homens que estejam inscritos na prova pedestre da XVIII Maratona Internacional de São Paulo, que será realizada em 17 de junho de 2012 e que irão correr o percurso completo de 42.195 metros.
Os voluntários deverão colher amostras três amostras de sangue e urina, sendo uma antes do início da prova, outra logo após o término e a última após 72 horas do final da prova. Serão avaliados parâmetros bioquímicos, cardiorrespiratórios; imunológicos e do sistema renal.
Os interessados podem entrar em contato com Junior pelo telefone (11)8961-1125 ou pelo e-mail pesquisamaratonasp2012@unifesp.br.

06 - TRATAMENTO COMPLEMENTAR DO TRANSTORNO DE DÉFICIT DE ATENÇÃO/HIPERATIVIDADE

O Departamento de Psicobiologia recruta crianças do sexo masculino, com idade entre sete e 14 anos, que tenham Transtorno de Déficit de Atenção/Hiperatividade, para avaliação de possíveis benefícios do exercício físico e do consumo dos ômegas 3 e 6 sobre o comportamento e a memória.
É necessário que as crianças não pratiquem exercícios físicos regulares em academias ou clubes. Não haverá nenhum custo ao participante.
Inscrições: pesquisaTDAH@gmail.com / (11) 5549-2500, das 7h30 às 18h30.

07 - SÍNDROME DAS PERNAS INQUIETAS E TRATAMENTO COM EXERCÍCIOS DE ALONGAMENTO

O Setor de Neuro-Sono da Disciplina de Neurologia da Escola Paulista de Medicina da Unifesp está pesquisando o efeito dos exercícios físicos em pacientes com Síndrome das Pernas Inquietas (SPI) como forma de tratamento sem remédios para redução dos sintomas.
Podem participar da pesquisa homens e mulheres com idade entre 45 e 65 anos com suspeita de SPI e que não pratiquem exercícios físicos regularmente. Serão excluídos da seleção os portadores de fraturas, limitações articulares; como bursite, tendinite, luxação, artrite, artrose e outros problemas de ossos, tendões e músculos. Os pacientes serão divididos em 2 grupos com diferentes tipos de exercícios para verificar seus efeitos. Após o diagnóstico clínico, os pacientes serão incluídos no estudo.
Os interessados podem entrar em contato com Marcelo no e-mail casemiro.marcelo@gmail.com ou deverão procurar o Ambulatório de Neuro-Sono, Disciplina de Neurologia da Unifesp, Balcão 5, às quartas-feiras, situado à Rua Napoleão de Barros, 711, a partir das 13h.

08 - TRATAMENTO DE AFTA RECORRENTE

O Ambulatório de Estomatologia, do departamento de Otorrinolaringologia e Cabeça e Pescoço, seleciona homens e mulheres, com idade acima de 18 anos, para participarem de uma pesquisa sobre tratamento de afta recorrente.
Os interessados poderão entrar em contato para agendar consulta no telefone (11) 5084-9965, das 7h30 às 16h30, falar Emilly ou Cíntia, ou por e-mail estomatologia@unifesp.br.

09 - DOR EM PACIENTES NA PÓS-MENOPAUSA COM FIBROMIALGIA

O Ambulatório da transição para a menopausa e pós-menopausa do Departamento de Ginecologia da Unifesp está recrutando mulheres para participar de uma pesquisa para verificar a dor em mulheres na menopausa, portadoras de fibromialgia.
As interessadas devem ter entre 45 e 60 anos, com pelo menos um ano no período da pós-menopausa, serem portadoras de fibromialgia e não praticarem nenhum tipo de exercício físico. Não serão aceitas mulheres que fazem uso de terapia hormonal, antidepressivos, antiinflamatórios, diabéticas, hipertensas e com insuficiência renal.
Serão selecionadas 30 mulheres e o prazo de inscrição se estende até o preenchimento das vagas. Informações pelos telefones: 3341-3608 ou pelo e-mail nelmamenezes@gmail.com, falar com Nelma Menezes.

10 - DOR NO PESCOÇO E PILATES

A Disciplina de Reumatologia recruta voluntários, de ambos os sexos, com dor no pescoço há mais de três meses, para participarem de um estudo sobre o método Pilates de exercício físico.
Os voluntários devem ter entre 18 e 65 anos, com disponibilidade de participar duas vezes por semana dos encontros. Serão excluídos candidatos que tenham fibromialgia ou outras doenças musculares, deficiência visual ou auditiva, que possam atrapalhar os exercícios, e também os que fazem uso contínuo de remédio, como antidepressivos ou anticoncepcional, com tratamento iniciado há menos de três meses.
Para os praticantes de atividades físicas, recomenda-se que participem apenas os que iniciaram atividade regular há, no mínimo, três meses.
Inscrições: (11) 3083-4798 / 9227-6537, falar com Luciana Araújo.

11 - EFEITOS DE SUPLEMENTOS ALIMENTARES EM HIPERTENSOS

O Departamento de Medicina Translacional está recrutando voluntários para pesquisa sobre os efeitos de suplementos alimentares (aminoácido) na pressão arterial pós-exercício em indivíduos hipertensos. Podem se candidatar às vagas homens hipertensos, com idade entre 30 e 55 anos, não fumantes, que não façam uso de nenhum tipo de suplemento alimentar, sem problemas ortopédicos e que não pratiquem exercícios físicos (sedentários).
Os voluntários devem ter disponibilidade na parte da manhã para realização dos testes no Centro de Estudos em Psicobiologia e Exercício, localizado na rua Marselhesa, nº 500, Vila Mariana, 9º andar do prédio do Instituto do Sono. Serão realizados exames de sangue e avaliação física gratuitamente. Há cinco vagas disponíveis.
Os interessados podem entrar em contato com Marcos Antonio do Nascimento, entre 8h e 17h, no telefone 5576-4983, ramal 04 ou pelo e-mail marcosanascimento@uol.com.br.

12 - TRATAMENTO DE ENXAQUECA CRÔNICA

O Setor de Cefaleias da Unifesp oferece 20 vagas para pessoas, de ambos os sexos e com idade entre 18 e 50 anos, que tenham enxaqueca crônica todos os dias, há no mínimo três meses.
É preciso ser sedentário (sem realizar exercícios regulares nos últimos três meses) e capaz de realizar atividades físicas durante a pesquisa.
Serão excluídos pacientes que tenham outros problemas de saúde e fazem uso contínuo de medicamentos.
Para agendamento de avaliação, ligar no telefone (11) 9712-5682, falar com Michelle, de segunda a sexta-feira, horário comercial.

13 - AVALIAÇÃO DA COMPOSIÇÃO CORPORAL DE HOMENS BRASILEIROS

A disciplina de Reumatologia recruta homens, nascidos no Brasil, com o objetivo de avaliar a taxa de gordura corporal e massa óssea, para traçar um perfil comparativo com estudos americanos. São oferecidas 500 vagas.
Os voluntários devem ter mais de 20 anos, devem ser saudáveis, com peso de até 120 kg e altura máxima de 1,90m. Não devem ter doenças conhecidas (com exceção da hipertensão) e nem usar suplementos alimentares para ganho de massa muscular.
Não serão admitidos aqueles que apresentem doenças crônicas, obesidade e que façam uso contínuo de medicamentos (anti-hipertensivos são aceitos).
O exame será realizado por densitometria, que emite radiação de baixa intensidade e é indolor. Ele terá duração de aproximadamente 50 minutos e deverá ser agendado previamente.
Para mais informações, acesse: www.dexaemhomens.blogspot.com As inscrições podem ser feitas pelo telefone (11) 8386-5811 ou pelo e-mail: dramarcelaushida@gmail.com.

14 - EFEITOS DA CAFEÍNA SOBRE A MEMÓRIA NA COGNIÇÃO

O Departamento de Psicobiologia da Escola Paulista de Medicina da Universidade Federal de São Paulo (EPM/Unifesp) está desenvolvendo uma pesquisa para verificar os efeitos da cafeína sobre a memória e a atenção.
Podem participar do estudo homens com idade entre 18 e 35 anos, de nacionalidade brasileira, com ensino superior completo ou incompleto, índice de massa corpórea (IMC) entre 18,5 e 24,9 com boa saúde, não fumantes e que consumam ao menos uma xícara de café por dia.
Os voluntários passarão por um teste de humor, atenção e memória, com duração média de três horas, além de ingerirem cafeína equivalente a três xícaras de café. Haverá também coleta de sangue dos participantes.
Os interessados deverão preencher o questionário de triagem disponível no link http://tinyurl.com/psicobio ou entrar em contato com Juliana Lanini, pelo endereço eletrônico julianalanini@yahoo.com.br ou pelo telefone (11) 8991-2924.

15 - INSÔNIA E EXERCÍCIOS FÍSICOS

O Centro de Estudos em Psicobiologia e Exercício (CEPE/Unifesp) seleciona homens e mulheres, que tenham entre 30 e 55 anos e sofram de insônia, para participarem de estudo com quatro meses de duração sobre o efeito do exercício físico no padrão de sono.
A insônia afeta um terço da população adulta e 10% dos pacientes relatam queixas crônicas, com prejuízos físicos, psicológicos e ocupacionais.
Os interessados podem se inscrever pelo telefone (11) 5572-0177 (com Carolina ou Alexandre) ou pelo e-mail insonia.exercicio@gmail.com.

16 - TRATAMENTO DO TABAGISMO

O Núcleo de Prevenção e Cessação do Tabagismo – PrevFumo, ligado à disciplina de Pneumologia da Unifesp, oferece tratamento gratuito para quem deseja parar de fumar.
Os atendimentos são realizados em grupo ou individualmente por uma equipe multiprofissional, formada por médicos, fisioterapeutas e psicólogos. O Núcleo atende, em média, a quatro mil pacientes por ano.
As sessões, de 75 minutos, acontecem uma vez por semana, durante um mês. Posteriormente, a cada duas semanas, por dois meses; e uma vez por mês, até completar um ano.
O PrevFumo está localizado à Rua dos Açores, 310, no Jardim Luzitânia, em São Paulo/SP (próximo ao Parque do Ibirapuera). Para agendar uma avaliação inicial, é preciso ligar nos telefones: (11) 5904-8046 / 5572-4301, de segunda a sexta-feira, das 8h às 16h.

17 - ARTRITE PSORIÁSICA

A disciplina de Reumatologia recruta pacientes com diagnóstico de artrite psoriásica, uma doença caracterizada pela presença de psoríase de pele associada com um quadro articular inflamatório.
Podem participar pessoas de ambos os sexos, com idade entre 18 e 65 anos, e que tenham disponibilidade em participar de um programa de exercícios físicos duas vezes por semana, por um período de 12 semanas.
Elas deverão estar com medicações modificadoras da doença (DMARDs), com doses estáveis há pelo menos três meses, e com doses de anti-inflamatórios não-esteroidais e corticosteroides estáveis há pelo menos quatro semanas.
Serão excluídos indivíduos com doença cardiovascular não controlada, diabetes mellitus descompensado, doenças psiquiátricas graves, fibromialgia ou outra condição médica mais incapacitante, história de exercício físico regular (pelo menos 30 minutos, duas vezes por semana) nos últimos três meses, artroplastias de quadril e/ou joelho nos últimos 12 meses e qualquer outra condição médica que impossibilite o paciente de realizar exercícios resistidos.
Os interessados deverão entrar em contato com Prof. Diego Roger pelo telefone (11) 6046-0045.

18 - RESTRIÇÃO CRÔNICA DO SONO

O Centro de Estudos em Psicobiologia e Exercício (CEPE/Unifesp) está recrutando voluntários para identificar as consequências da restrição crônica de sono. O débito crônico de sono pode causar transtornos como dificuldade de memória e concentração, irritação, cansaço e diminuição do rendimento no trabalho.
Estão disponíveis 30 vagas para homens com idade entre 20 e 35 anos, com escolaridade mínima de oito anos, com boa saúde, não dependentes de álcool e drogas, não obesos e que não trabalhem a noite ou em turno.
Os indivíduos selecionados precisam ter disponibilidade de comparecer ao CEPE para a realização dos procedimentos da pesquisa nos dias previamente agendados, além de dormir no laboratório por nove noites, para a realização de polissonografias, sendo sete delas em dias seguidos. Ao acordar, os voluntários passarão por novas avaliações.
Os interessados podem entrar em contato com a pesquisadora Sandra Queiroz, pelo telefone (11) 5572-0177 ou pelo e-mail sqsandra@cepebr.org, colocando no assunto a palavra “VOLUNTÁRIO”. Serão reembolsadas duas passagens de transporte público por dia de atividade e, ao término da pesquisa, os participantes receberão uma cópia dos exames realizados e terão direito de frequentar a academia do CEPE três vezes por semana, em horário comercial, durante três meses.
Os testes podem ocorrer em três endereços: Rua Marselhesa, 500, Rua Napoleão de Barros, 925 e Rua Francisco de Castro, 93, todos na Vila Clementino, próximos à Estação Santa Cruz do Metrô.

19 - TRATAMENTO CONTRA CÂNCER DE CABEÇA E PESCOÇO

A disciplina de Cirurgia de Cabeça e Pescoço está recrutando voluntários para participar de uma pesquisa sobre a combinação de raios laser e quimioterapia para tratamento do câncer de cabeça e pescoço. Podem participar do estudo homens e mulheres com idade entre 21 e 70 anos, portadores de cânceres de cabeça e pescoço que voltaram a crescer mesmo depois de outros tratamentos como cirurgia, radioterapia e/ou quimioterapia.
Os voluntários passarão por uma avaliação preliminar com os médicos responsáveis pela pesquisa e os candidatos selecionados farão exames pré-operatórios e serão internados no Hospital São Paulo para serem submetidos a uma sessão de quimioterapia e laser terapia sob anestesia geral no centro cirúrgico (tempo do procedimento: 1 hora). O tratamento visa melhorar as condições locais do câncer e a qualidade de vida.
Os interessados podem entrar em contato nos telefones (11) 8752-4598 ou (11) 8729-7268, ou no endereço eletrônico mpaiva@unifesp.br ou j.ribeiro@unifesp.br.

Sobre a Unifesp

A Unifesp foi apontada em 2011, pela terceira vez consecutiva, a melhor universidade federal do País segundo o Índice Geral de Cursos das Instituições de Ensino Superior do País (IGC), elaborado pelo Ministério da Educação (MEC) e Inep (Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira).
Criada oficialmente em 1994, a Unifesp originou-se da Escola Paulista de Medicina (EPM), entidade privada fundada em 1933 e federalizada em 1956. Em 1940, a EPM inaugurou o Hospital São Paulo, primeiro hospital-escola do País, que hoje é o Hospital Universitário da Unifesp, localizado no campus São Paulo, no bairro Vila Clementino.
Na ocasião da criação da Unifesp, a instituição era a primeira universidade brasileira especializada em Saúde, abrigando em seu currículo de graduação os cursos de Medicina, Enfermagem, Biomedicina, Fonoaudiologia e Tecnologias Oftálmica e Radiológica.
Em 2005, iniciou-se o projeto de expansão por meio do Programa de Apoio ao Plano de Reestruturação e Expansão das Universidades Federais (Reuni), coordenado pelo Ministério da Educação (MEC), com a criação do campus Baixada Santista. Em 2006, foi criado o campus Guarulhos, seguido de Diadema e São José dos Campos, em 2007, e Osasco, em 2011, dando seguimento ao processo de ampliação. O ambicioso processo de expansão fez com que a Universidade saltasse de um para seis campi e de cinco para 38 cursos de Graduação.
Com os novos campi, a Instituição deixou de atuar exclusivamente no campo da saúde, inaugurando cursos nas áreas de Humanas (Guarulhos), Exatas (São José dos Campos), Biológicas (Diadema) e Negócios (Osasco). No Vestibular 2012, a instituição ofereceu 2.869 vagas em seus cursos de Graduação.
Atualmente, a Unifesp conta com 9.430 alunos matriculados nos cursos de Graduação, além de 3.144 discentes nos cursos de Pós-Graduação Stricto Sensu (Doutorado, Mestrado e Mestrado Profissionalizante) e 5.847 na Pós Graduação Lato Sensu (Especialização e Aperfeiçoamento,). Além disso, a instituição conta com 1.049 discentes no maior programa de residência médica do Brasil.
A Unifesp tem em seu quadro 1.213 docentes, sendo que 95% apresentam título de doutor, o que marca a qualidade de ensino oferecida pela Instituição.
No segundo semestre de 2010, tiveram início as atividades do primeiro campi avançado de extensão universitária da Unifesp, primeiro também no Brasil, implantado no município de Embu das Artes, na Região Metropolitana de São Paulo. E, no início de 2011, foi inaugurado o segundo campus avançado de extensão universitária da Unifesp, localizado na região de Santo Amaro, na capital paulista.

Nenhum comentário:

Postar um comentário